180 usuários online
Onlinebandit Vulture
`
    
Lembrar-me   Esqueceu o nick ?  
Novo usuário
Novo usuário
Informação detalhada
Usuário:india de preto
Visitas:666
Gênero:
Membro desde:
Online status: Offline, ultima vez visto 
Eu jogo mais:Ludo - jogado 1451 vezes
Aniversário...
Minha homepage:

Amigos
Clique para ver mais

Bebela

xbek

tia.bx

PinK_Star

manga rosa

loiradanoite8

Ultimas atividades
Venceu contra nananda
Venceu contra nananda
Perdeu contra nananda
Perdeu contra china
Venceu contra vanessak2004
Venceu contra vanessak2004
Venceu contra nananda
Perdeu contra o computador
Perdeu contra renata23nananda
Perdeu contra nataliciorenata23
Perdeu contra natalicio
Venceu contra natalicio
Venceu contra limaj
Venceu contra limaj
Perdeu contra limaj
Perdeu contra limaj
Venceu contra limaj
Venceu contra natalicio
Venceu contra natalicio

jogo Venceu/Perdeu Melhor pontuação
Clique aqui para ver mais
Ludo636 / 7270
Pyramids2 / 640
Block Bandit0 / 21

Perfil de india de preto


Livro de visitas
2020-08-10
Deusa nativa do Pantanal
Belíssima Índia de preto
Tu és encanto e beleza
Pura, virgem e serena
Possuis uma doçura de mel
Confeitando tua pele morena !

Teu meigo semblante se compara
Ao frescor da afável madrugada
O lindo e longo cabelo negro
Com uma flor nele ornamentada
E o escultural corpo pintado
Deixas-te mais sensualizada !

Princesa filha da tribo
Bela quão uma orquídea pantaneira
Livre nos braços do deus do vento
És uma donzela ladina e solteira
Entre ao natural da relva florestal
Vives alegre, sorrindo e faceira !

Teu sorriso cativante e brejeiro
Faz-te tão graciosa como uma flor
E em teus negros olhos moram
O feitiço da paixão e do amor
Meus olhos quando te olham
Do desejo ardente, sente o calor !

Tens a beleza de um colibri
Voando livre entre os serrados
Meiga, misteriosa e encantada
De corpo naturalmente bronzeado
Como desenhada pelo deus tupã
Que nos astros celestes, foi inspirado !

O sol e a lua a admira e invejam
O teu sorriso cândido, maroto e belo
Maga flôr nascida no campo
Com a natureza tu tens um fecundo elo
És uma preciosa jóia pantaneira
Digna de habitar um nobre castelo !

Sua pele tem um pulcro brilho
Tal como a pele de uma Ariranha
Acetinando sua nudez indígena
Que sem culpa, tu expõe risonha
És a mais bela das índias brasileiras
Meu apaixonado coração, contigo sonha !!